Segurança em primeiro lugar

Acho o maior barato a segurança de aparência. É aquela instalada apenas para intimidar, mas que não garante integral controle de acessos e registros.

Entrei nas dependências de uma empresa (de nível nacional) duas vezes, em dias diferentes. Mostrei RG, fui cadastrado, e então liberado. Na terceira, foi só dizer o primeiro nome, e que ia falar com “fulano de tal”, que já fui entrando. Nem recebi crachá de visitante, nem foi registrada a minha entrada.

No banco, a mesma coisa. Não acredite em sensor de metais. Façamos as contas: Nas duas primeiras vezes que entrei na agência onde tenho conta, pediram para deixar o celular naquele recipiente anexo de acrílico. Depois nunca mais tive problema por entrar com os celulares… até semana passada, quando os agentes de segurança foram trocados. Eu estava com uma jaqueta e dois celulares, sendo que de um deles saía o fone de ouvido, levando música para meu ambiente. Fui parado, o segurança me disse para retirar qualquer celular ou chave. Não tive paciência e retruquei, mas já obedecendo, que sempre entrava lá sem nenhum problema. Tirei apenas o celular da música. Ao ver o aparelho entregue na caixa, fui logo liberado. Não sei como o outro aparelho passou.

Quero dizer, sei… o segurança travou a porta manualmente, só isso. Tanto barulho pro nada. Tudo ainda é muito “na camaradagem” por aqui.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: